Categorias
Notícias

Creche do SESI retoma as aulas presenciais e mantém medidas de segurança contra covid-19

Segurança máxima no retorno presencial do ano letivo da educação infantil na Escola SESI Dr. Francisco Garcia, no Distrito Industrial. Com as medidas do Protocolo de Segurança das Escolas SESI Amazonas, os alunos da Creche (Berçário ao Maternal 3), de 4 meses a 3 anos de idade, retornaram nesta segunda-feira, 8, às aulas presenciais. Alunos da Pré-escola (1º e 2º período), de 4 e 5 anos, vão recomeçar na próxima quinta-feira, dia 11.

A Escola SESI está adequada ao novo decreto estadual, com a utilização de 50% da capacidade de suas salas de aula e medidas de segurança. Nesse primeiro dia, aproximadamente 150 crianças retornaram às atividades presenciais.

Desde a entrada, às 6h da manhã, os pais, alunos e funcionários já seguem o protocolo de segurança implementado pelo SESI. No hall da escola, o piso recebeu adesivos com marcações de distanciamento para professores e alunos que têm aferição de temperatura com termômetro digital e higienização com álcool em gel a 70% nas mãos, calçados e mochilas. A circulação no local é controlada e, de acordo com a gestora Sinthia Cavalcante, tem sido limitada para a entrada e circulação dos responsáveis.

“Os pais dos alunos mais velhos, do maternal, têm entrada mais limitada na escola para evitar aglomeração e manter uma circulação mínima nos corredores da escola. Assim que esse aluno chega na Creche já é recepcionado pelos professores e auxiliares, para formarem filas e entrarem em sala de aula. Estamos com horários diferenciados (escalonados) para entrada e saída dos alunos na escola, para evitar aglomerações”, explica Cavalcante.

As atividades pedagógicas que envolvam aglomerações em ambientes fechados também serão evitadas. O acolhimento e preparação do SESI para retomada desse ano letivo iniciou-se de forma remota em fevereiro utilizando o Google Classroom, por onde estavam sendo enviadas as atividades e orientações, além do contato direto com os pais em grupos pelo WhatsApp para tirar dúvidas e compartilhamento das aulas gravadas. De acordo com a professora Lucilene Trindade, os alunos retornaram para o ensino presencial sem dificuldade para assimilar e entender as novas regras.

“Estávamos tendo aulas diárias on-line e desde o ensino remoto, em casa, já orientávamos para a importância dos cuidados, como a higienização das mãos, uso de máscara e distanciamento das cadeiras com os colegas em sala, sempre explicando de forma lúdica com vídeo, músicas e figuras, o que é esse vírus e a importância de se cuidar”, relatou ela.

“Com os bebês, o protocolo reforça as medidas de higiene e rotina de cuidados que já eram realizadas pelo SESI, com uso obrigatório de máscaras (professoras), higienização das salas, carrinhos e cadeirões. E os pais devem enviar capas limpas para o colchão e lençóis de uso pessoal para trocas diárias”, disse a psicóloga do SESI, Déborah Moreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *