Categorias
Notícias

SESI começa ano letivo com ensino 100% remoto

Com acolhida virtual animada, as escolas do Serviço Social da Indústria (SESI/AM) começaram as aulas deste ano, no dia 22, estruturadas para o ensino 100% a distância, e assim manter a segurança e evitar aglomerações nesse período de pandemia. As plataformas on-line e aulas diárias ao vivo são os meios de interação para os alunos e professores nas Escolas SESI, tanto na capital como nos municípios de Iranduba, Itacoatiara e Parintins.

As aulas também ficam gravadas e disponíveis por meio de link para acesso na hora que o aluno quiser. “Nem sempre esse pai e aluno têm disponibilidade de assistir (à aula) ao vivo, então isso tem facilitado muito o ensino para eles, que passam de fato a criar sua rotina diária de estudos, como se estivessem na escola”, disse a gerente da Escola SESI David Nóvoa em Iranduba, Viviane Barroso.

O ambiente virtual de aprendizagem on-line Plurall, do grupo de educação básica Somos Educação, está disponível no Portal SESI de Educação, e com a integração do Sistema de Gestão Escolar (SGE). Algumas ferramentas do Google For Education, como Google Classroom e Meet, além do Microsoft Teams que também são utilizadas para encontros diários ao vivo com os professores e agendamento de provas e atividades.

A Rede SESI de Educação, desde 2020, tem investido em plataformas educacionais, computadores e melhorias na rede sem fio de internet, para trabalhar com mais facilidade e agilidade com as mudanças no ensino. Para o uso das ferramentas na nova metodologia de aprendizagem da plataforma Plurall, os professores do SESI contaram com capacitações remotas feitas pelas equipes do grupo Somos Educação, Agnus Educação Tecnológica e Big Brain Education. 

As aulas virtuais ocorrem tanto para crianças de 1 a 3 anos da creche maternal, da Escola SESI Dr. Francisco Garcia, como para os alunos do ensino fundamental 1 e 2, e do ensino médio, das demais escolas.

“Nossas salas virtuais estão lotadas e está sendo bem positiva essa volta às aulas de forma remota”, destaca a gerente. “Os mais novos, com a educação infantil, por exemplo, são os únicos que estão utilizando o Google Classroom, por onde são enviadas as atividades e orientações”. A gestora também explica que foram formados grupos pelo whatsapp com os pais. Já os mais velhos, com o ensino fundamental 1 em diante, estão com o Portal SESI de Educação, com a ferramenta Plural e o Google Meet”.

Educação de Jovens e Adultos agora on-line

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) do SESI Amazonas também está agora 100% online. Com turmas no ensino fundamental (6º ao 9º Ano) e médio, o aluno desenvolve a formação básica e as competências para uma carreira profissional, com domínio das novas tecnologias educacionais, como Google Classroom, Meet e Microsoft Education.

Os alunos recebem os conteúdos didáticos de segunda a sexta-feira, exceto feriados, participam de lives com os professores para tirar dúvidas e ainda contam com professores plantonistas no horário das aulas – 18h às 21h30. “Atividades, trabalhos escolares, provas e outros métodos avaliativos acontecem de forma remota”, explicou a gerente da Educação de Jovens e Adultos do SESI, Patrícia Bezerra.

O SESI também oferece para o aluno, no ato da matrícula, a opção de escolha pela EJA Profissionalizante, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Amazonas), que oferta cursos de qualificação e dupla certificação ao final das aulas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *